Diabetes: principais sintomas


O aumento da concentração de glicose no sangue desencadeia uma série de desequilíbrios no corpo. Como a energia não chega nas células, pela falta ou resistência à insulina, o diabético sente muito cansaço, fraqueza e pode ter alterações de humor. O corpo pede em vão mais comida e água, assim, a fome e sede aumentam, junto com a frequência urinária.

É comum o doente perder peso e sofrer com náuseas e vômitos. As tonturas ocorrem quando os níveis de açúcar estão muito baixos (hipoglicemia) ou muito altos (hiperglicemia).

Como os sintomas clássicos da doença (poliúria, polidipsia e polifagia) não estão presentes na maioria dos casos de diabetes tipo 2 e pré-diabetes, seu diagnóstico são confirmados através de testes laboratoriais de glicemia e de hemoglobina glicosilada.

Sintomas do Diabetes Tipo 1

  1. aumento da frequência urinária
  2. aumento da sede
  3. aumento da fome
  4. fraqueza
  5. alteração de humor e nervosismo
  6. perda de peso
  7. náuseas e vômitos

Sintomas comuns no Diabetes tipo 2

  1. infecções frequentes
  2. alteração visual (embaçamento)
  3. dificuldade de cicatrização
  4. formigamento nos pés e perda de sensibilidade
  5. furúnculos
  6. cansaço
  7. aumento da sede, fome e frequência urinária

Complicações do Diabetes

A falta de controle dos níveis de glicose no sangue geram uma série de complicações, principalmente na visão, nos rins e nos pés.

A visão pode ser comprometida pela Retinopatia Diabética, que faz com que os vasos sanguíneos da retina sejam danificados e permitam fluídos e sangue, criando os edemas. O quadro é perigoso e pode levar a cegueira.

A nefropatia diabética ataca os vasos sanguíneos dos rins e levam a perda de proteínas através da urina. O descuido pode comprometer as funções renais e obrigar o paciente a fazer hemodiálise, diminuindo muito sua qualidade de vida.

O pé diabético também é uma complicação comum que afeta a sensibilidade dos pés. Aparecem feridas que são muito difíceis de tratar, já que a capacidade de cicatrização diminui. Pode levar a amputação.

Impotência sexual, aumento da pressão arterial e doenças cardiovasculares também são comuns nos doentes.

É possível reverter os sintomas?

Reverter os sintomas do diabetes é totalmente possível. A prática de exercícios físicos associada a uma boa alimentação  tem ótimos resultados no controle da glicemia e na redução da resistência à insulina (baixe o e-book alimentação para diabéticos). Alguns suplementos também ajudam muito, assim como exercícios para controle de estresse.

Esses hábitos saudáveis em conjunto são uma verdadeira maravilha para o corpo. O que não existe é pílula mágica.

Para muitos a mudança de hábitos não é fácil, mas vale muito a pena. A recomendação é incorporar esses bons hábitos na rotina, junto com o tratamento medicamentoso até que o seu médico veja a transformação da sua saúde ocorrer e recomende a redução ou suspensão do medicamento.

Pode perguntar que o Dr. Fabio responde

1 responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.