Pré-diabetes ou Síndrome Metabólica


O diabetes tipo 2 é antecedido por uma fase de pré-diabetes, onde o corpo começa a criar a resistência contra a insulina e a leptina (o hormônio da saciedade).

Essa resistência desencadeia uma série de desequilíbrios no corpo, como alteração na pressão arterial, retenção de líquidos, aumento do ácido úrico, redução dos níveis hormonais da testosterona, aumento de triglicérides, entre outras. Além do Diabetes Tipo 2, a síndrome metabólica também é responsável pelas doenças cardiovasculares, o próprio câncer e o mal de Alzheimer (considerado o diabetes tipo 3).

A síndrome metabólica se inicia normalmente com o excesso de consumo de alimentos com alto índice glicêmico. O índice glicêmico (IG) é um indicador da velocidade com que o açúcar presente em um alimento alcança a corrente sanguínea o que também representa a velocidade com que determinado alimento se converte em açúcar. Quanto maior o IG mais rápido mais perigoso ele é para o organismo, já que seu consumo em excesso é um grande causador da Síndrome metabólica ou pré-diabetes, juntamente com a frutose, que apesar de não possuir alto índice glicêmico, é o principal responsável pela resistência à insulina e leptina citados.

Veja alguns alimentos com índice glicêmico alto, que os diabéticos não podem comer:

  • Refrigerantes
  • Pães
  • Bolos
  • Bolachas
  • Massas de farinha refinada
  • Arroz branco
  • Batata Inglesa
  • Granolas (com açúcar)
  • Barras de Cereais
  • Açúcar refinado
  • Xarope de milho
  • Sucos de fruta (principalmente os de caixinha)
  • Frutas muito doces (laranja, uva, banana etc.)

Dica: comer a fruta é muito mais saudável que fazer um suco, porque as fibras amenizam o pico de glicose.

Por que o diabetes pode afetar sua saúde cardíaca

Uma das consequências da síndrome metabólica é o aumento de volume do abdômen, chamada de gordura visceral ou intra-abdominal. O problema é que essa gordura abdominal é uma glândula secretora de substâncias inflamatórias e vai aumentar consideravelmente os níveis de PCL, IL6, TNF alfa etc.

Essas substâncias inflamatórias prejudicam tanto as artérias que irrigam o coração  quanto as que irrigam o cérebro.
Assim, quanto maior a circunferência abdominal maior o risco de infarto, AVC, derrame e Alzheimer.

Eu tenho síndrome metabólica?

Segundo os critérios brasileiros, a Síndrome Metabólica ocorre quando estão presentes três dos cinco critérios abaixo:

  • Obesidade central – circunferência da cintura superior a 88 cm na mulher e 102 cm no homem;
  • Hipertensão Arterial – pressão arterial sistólica 130 e/ou pressão arterial diatólica 85 mmHg;
  • Glicemia alterada (glicemia 110 mg/dl) ou diagnóstico de Diabetes;
  • Triglicerídeos  150 mg/dl;
  • HDL colesterol £ 40 mg/dl em homens e £50 mg/dl em mulheres

O pré-diabetes é muito mais fácil de reverter do que o diabetes já instalado. É por isso que alimentação saudável e exercícios físicos são tão importantes para a saúde.

Pode perguntar que o Dr. Fabio responde

1 responder
  1. Elizete
    Elizete says:

    Ótimo esclarecimento! Principalmente sobre os sucos naturais que temos a ilusão que são 100% benéficos à nossa saúde, porém, tudo em excesso nos causa damos!

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.